Categoria: off-topic

Aleatoriedades de Segunda #5

…Só que não é segunda, hahaha! O blog está parado há algum tempo e eu venho adiando este post na esperança de que de repente, eu acorde e tudo esteja bem e nos eixos, mas eis que não está. Há quase um mês eu tive uma dor na coluna muito forte. Procurei um médico que diagnosticou aquilo como uma dor muscular passageira. Alguns anti-inflamatórios e um relaxante muscular e logo eu estaria sem dor. Levaram mais três visitas ao pronto-socorro, o fato de eu não conseguir andar, um raio x e uma tomografia para descobrir que o problema não eram apenas os músculos, mas também a coluna em si: abaulamento de discos.

Nome feio e muito, muito dolorido! Isso significa que o espaço entre algumas das minhas vértebras na região lombar, diminuiu um pouco e agora estou passando por uma crise de dor. Segundo a última ortopedista que eu visitei, não é nenhuma lesão séria, mas é chata e demora em torno de um mês e meio para que eu pare de sentir dores – só para vocês terem noção, neste último sábado, fui de novo para o pronto-socorro e só um derivado de morfina conseguiu aliviar a minha dor.

Neste exato momento, estou fazendo treinamento intensivo para quando chegar na melhor idade: a bengala virou minha melhor amiga. Estou usando colete lombar, tomando um verdadeiro coquetel de medicamentos que me deixa quase dopada o dia inteiro, afastada do trabalho, fazendo acunpuntura e um tico de fisioterapia para me ajudar com a dor. Em poucas palavras, tem sido um verdadeiro inferninho na terra, mas acredito que em breve, muito em breve as coisas voltam a ser o que eram.

Por enquanto, nada de fotos e muito menos ficar longas horas sentada na frente do computador. Aliás, que fique de alerta para vocês também: todo aquele blá blá blá que nós sempre ouvimos sobre a coluna e que geralmente não damos a mínima, tem um porque de ser.

Vejo vocês em breve!

O Maior Amor do Mundo

Fiquei pensando em diversas maneiras de começar este post. O assunto não tem nada a ver com beleza, mas é uma das maiores paixões da minha vida. Fiquei muito, muito feliz quando recebi este convite e aceitei, sem receber absolutamente nada em troca, porque acredito nesta causa, de corpo e alma. Então, apesar do convite ter vindo de uma empresa, não estou recebendo nada para falar sobre isso.

Acho que o melhor é falar do começo. Não é novidade para ninguém que eu tenho cachorros, vira e mexe eles aparecem no Instagram (não me segue ainda, então vem: @gabi_rebello) e na fan page. Mas a minha história com eles começou há quase 20 anos atrás, quando eu tinha apenas 6 anos de idade. Eu estava ainda na escola quando perturbava meus pais para ter um coelho, um gato, um cachorro. Ah eu queria um cachorro! No início meu pai foi contra, mas depois, em um belo 7 de abril, veio a surpresa. Fiquei aflita porque meus pais diziam que meu presente estava chegando – e eu achando que ganharia a casa da Baribie – e ele nunca chegava. Então, me aparece uma moça com uma bolinha preta de pêlos, bem pequeno, um filhote de poodle: era o Toulouse, meu primeiro grande amor.

O Maior Amor do Mundo

O Tolouse foi o único cachorro da família que foi comprado. Ele foi o meu melhor presente de aniversário! Amei tanto aquele cachorro… Ele era companheiro, gostava de todos os animais: de gatos a pombas ele adorava todos! Era muito dócil e lindo. Com 13 anos ele me deixou e deixou um buraco enorme junto. Meu primeiro cachorro. E a certeza de que, desde que ele colocou aquele focinho preto em casa, eu nunca mais conseguiria viver longe de um bichinho de quatro patas e coração puro.

O Tolouse não era sozinho. Ele logo ganhou a companhia da Princesa, uma vira-lata bem da esperta que seguiu minha mãe do trabalho até em casa. Essa sabia o que era bom! Vivia enrolada nos cobertores no cantinho mais fofo do sofá. Fazia as peripécias mais engraçadas e era apaixonada pelo meu pai. E como dois é pouco, veio a Tequila. Ela foi abandonada no pátio da empresa do meu pai e assim que vimos aquela bolinha preta, foi amor à primeira vista! Cuidei dela desde de bebê, como se fosse mãe (levantando de madrugada, quando ela chorava, dando remédio e tudo) e assim como o Toulouse e a Tequila, ela ganhou um espaço mais que especial no meu coração.

Os três se foram e deixaram além da saudade, muitas, muitas lembranças boas, que são as coisas que me deixam feliz! E o que me deixa ainda mais feliz é que eu sei que enquanto estavam comigo, estavam muito, muito felizes! Mas hoje, eu tenho outros três filhos para cuidar: a Meg que resgatamos da represa Guarapiranga e o Pingo e a Louise, cuja a mãe e os outros 8 irmãos, ficaram aqui em casa, até crescerem e encontrarem lares com muito amor para serem felizes. São eles que me arrancam sorrisos quando tenho um dia ruim e que me confortam quando eu estou triste. Porque cachorro é isso: amor incondicional e puro. E eles não pedem nada em troca, só o seu carinho.

O Maior Amor do Mundo

No entanto, em datas comemorativas, muitas pessoas acham que podem presentear com bichinhos, sejam adotados ou comprados. Mas eles não são objetos: assim como nós, eles crescem, precisam de cuidados, não falam e só contam conosco para suprir suas necessidades. Não precisa de muito para ver como isso é importante: basta olhar para a minha história e o quanto eu me dediquei a eles. O ato de adotar um cachorro ou gato, precisa ser pensado: eles crescem, vivem entre 10 e 15 anos e são eles que sofrem com o abandono (quantas pessoas não se desfazem de seus bichos no final do ano, porque querem viajar e não tem com quem deixá-los?), maus tratos e descaso de quem os pegou apenas como objetos.

Não tem coisa mais dolorida pra mim do que ver bichinhos abandonados na rua, à mercê da própria sorte, sem poder falar o quanto sentem fome, frio e sede. Este é o grande objetivo deste post: conscientizar sobre a guarda responsável de animais, sejam eles quais forem:

  • Leve seu animal ao veterinário;
  • Realize a castração para evitar a reprodução de filhotes não planejados e o consequente abandono dos mesmos;
  • Maus tratos e abandono são crimes, denuncie;

E se você não tem um bichinho, pode colaborar com diversas ONGs e protetores independetes que estão sempre precisando de doações de ração, medicamento, cobertores, jornais e muitos outros itens. A Max Alimentos por exemplo, tem um programa onde nos pacotes de ração da marca, existe um vale-ração, que trasforma-se em doação para a ONG de sua escolha.

Se você também é fã dos animais, ama incondicionalmente, passe essa mensagem adiante: guarda responsável. Vamos diminuir o sofrimento destes bichinhos que só tem amor para dar. Quem sabe no futuro, não veremos mais nenhum animal abandonado pelas ruas das cidades.

Be8 | Petit Comité Caudalie + A Loja do Chá

No final do mês passado os blogs do Be8 se uniram em um mini, mini encontrinho no shopping Iguatemi, aqui em São Paulo. Fomos conhecer a loja da marca francesa Caudalie e em seguida provamos quitutes e chás deliciosos da A Loja do Chá – TeaGschwender. Nem preciso dizer que foi uma manhã delícia, não é?

Be8 | Petit Comité Caudalie + A Loja do Chá

A Caudalie para quem ainda não conhece – fiz resenha do creme para as mãos e lip balm da marca aqui –, é uma marca de cosméticos cujo todos os produtos tem como base as uvas cultivadas na região de Bordeaux, na França. Um dos grandes compromissos da Caudalie é extrair suas bases da natureza ao mesmo tempo em que cuida do meio ambiente. Além disso, por serem provenientes da uva, os produtos são ricos em polifenóis, poderosos antioxidantes que ajudam a proteger a pele dos raicais livres, responsáveis pelo envelhecimento cutâneo.

Quem passa pela loja da marca, pode experimentar um mini facial, um tratamento express com direito a massagem e aplicação de produtos de acordo com o seu tipo de pele. De acordo com o querido Luis, este procedimento é igual ao realizado no SPA de Caudalie na França, ele só foi adaptado ao ambiente da loja (que é uma graça por sinal). Vale a pena dar um pulinho por lá e conhecer melhor os produtos e métodos de aplicação. Eu fiquei deslumbrada pela Eau de Beauté, que é uma água refrescante para ser borrifada no rosto e que deixa a pele com viço, poros fechados e melhora a aparência de linhas finas, uma “água termal” turbinada e inspirada na Rainha Isabel da Hungria. Como não resisti, sai da loja com o Huile Divine, ou óleo divino, que não poderia ter nome melhor! Assim que eu usar mais, conto para vocês.

Be8 | Petit Comité Caudalie + A Loja do Chá

Depois dessa jornada por um pedacinho da França, foi hora de nos deliciar na A Loja do Chá – TeaGschwender, na companhia da Carla Saueressig, que entende absolutamente tudo sobre chás e que nos deixou fascinadas! Ela preparou um cardápio todo especial para demonstrar que o chá não serve apenas para ser tomado quente ou gelado, ele pode ser usado como tempero na nossa comida do dia a dia, adicionando sabor sem acrescentar calorias. Prova disso foi o delicioso queijo cottage com chá de menta, cream cheese com lapsang souchong (um tipo de chá chinês defumado) e o meu favorito que não é chá mas é tempero, manteiga com massala (um tempero indiano). Até bolo com chá verde para uso culinário nos experimentamos, além de um chá delícia que a própria Carla escolheu de acordo com as preferências de cada uma.

Este é outro passeio que vale a pena: a loja é RECHEADA de chás, conjuntos de chá, temperos, geléias, bolos, doces e tudo que um bom chá da tarde pede. Eu realmente pretendo voltar lá, porque conheço A Loja do Chá – TeaGschwender da época em que havia uma unidade no shopping Villa-Lobos aqui em São Paulo também, e os chás são simplesmente fabulosos! Palavra de uma viciada em chá.

Para terminar, as meninas que participaram sairam com sacolinhas com um produto Caudalie, um chá da TeaGschwender e muitos Molecos fofos! Sim a Moleco, nossa parceira de longa data, também participou com caderninhos personalizados com o logo do Be8 e também itens das novas coleções: eu ganhei um caderninho com estampa de cachorrinho e outros dois de corujinha. Um mimo só!

Be8 | Petit Comité Caudalie + A Loja do Chá

Fica aqui o meu muito obrigada às marcas que participaram do nosso petit comité e também às meninas que participaram conosco.

Fan Page – Receba as Atualizações

Vocês já devem ter visto em outros blogs este aviso sobre as fan pages. Recentemente o Facebook mudou a forma de lidar com as fan pages e passou a não mostrar o conteúdo para todas as pessoas que são fãs. O porque desta mudança e o que pode ser feito por parte de quem administra ainda está confuso (especula-se que isso deverá começar a ser um serviço pago), mas se você curte a fan page do blog (www.facebook.com/lipstickcorner) e não está recebendo as atualizações na sua timeline, basta acessar a fan page:

  1. Passe o mouse pelo botão “Curtiu“;
  2. Selecione “Mostrar no feed de notícias“;
  3. Selecione “Adicionar às listas de interesses…“.

Pronto! Você irá receber todas as atualizações no seu feed.

Para quem não sabe, a fan page é atualizada diariamente com conteúdo exclusivo que não vem aqui para o blog. Além disso, lá vocês podem encontrar uma vasta coleção de fotos e tutoriais de maquiagens, unhas e cabelos para se inspirar, todas separadas e organizadas em álbuns para que vocês possam sempre encontrar o que procuram. Vale a pena conhecer!