The Story of Cosmetics

Este pode ser um assunto que interessa a poucas pessoas, até porque a grande maioria de nós já sabe tudo o que a ativista Annie Leonard tem para nos contar, ou ao menos parece saber. O fato é que o famoso vídeo Story of Stuff, que já apareceu aqui no blog deu origem ao Story of Cosmetics.

Desta vez a preocupação da autora é concientizar as pessoas sobre o uso excessivo de cosméticos que possuem ingredientes tóxicos e muitas vezes que não são aprovados como seguro para o uso animal/humano. O vídeo começa com um ótimo exemplo que são os petroquímicos usados no famoso shampoo Pantene Pro-V e em shampoos de bebês. Bebês estão entrando em contato com substâncias tóxicas que deveriam cuidar da higiene.

Mais do que isso, Annie também coloca o descaso do governo e de instituições como a FDA (US Food and Drug Administration), que não obrigam com que os fabricantes coloquem nos rótulos dos produtos todos as substâncias utilizadas na fabricação do produto e que testam apenas 20% dos mesmos.

A legislação no Brasil pode ser um pouco diferente, mas mesmo assim, nós que adoramos nos cuidar e adoramos cosméticos, devemos ficar muito atentas aos produtos que consumimos, principalmente se não temos conhecimento daquilo que há dentro do frasco. E sim, isso pode mudar, aos poucos, mas pode. Exigir esclarecimento das empresas e até mesmo procurar por outros produtos mais adequados.

Abaixo há o vídeo em inglês, para quem quiser ver e vocês podem obter mais informações no site e no site da revista Marie Claire onde vi sobre o lançamento deste vídeo.

Be Sociable, Share!

    Comentários do Facebook

    comentários

    • Vanessa

      Gabi,

      Muito importante seu post….utilidade publica!

      Assisti o video e infelizmente a gente muitas vezes fica perdida sem saber os venenos que compramos e levamos pra casa, e o pior utilizamos!

      Bjs

    • Isabela Sousa

      Esse vídeo é muito bom! *-*
      obrigada por divulgar!
      bjos.

      http://makeupandgirls.blogspot.com/

    • o.O*Mandy*O.o

      O problema maior para nós brasileiras é que todos os componentes químicos estão escritos em inglês.
      Então, qndo temos alergia a algo, nós não sabemos dizer qual foi o componente que a causou.

    • Gabi

      Vanessa,
      eu acho mesmo importante este tipo de assunto. Acho que 90% da população não deve saber o que tem dentro dos frascos de comsméticos que compramos e usamos todos os dias.

      Acho que o mais preocupante detsa história toda, é saber que a maior parte destes componentes não é nem se quer testada, para saber se pode ou não ser utilizada desta maneira.

      Beijos!

      Isabela,
      o vídeo é realmente excelente! O primeiro, o Story of Stuff também é ótimo e acho que todos deveríamos assistir. Eu vi pela primeira vez na faculdade e desde então tenho tentado mudar alguns dos meus hábitos de consumo.

      Beijos!

      Mandy,
      ao que parece é uma normativa da ANVISA que obriga o uso o INCI (International Nomenclature of Cosmetic Ingredient). É estranho afinal a maior parte da população primeiro não lê as embalagens e quando lê, não entende realmente o que tem ali dentro.

      E não só alergias, mas a toxidade de alguns destes elementos químicos pode ser contestada, já que de acordo com o vídeo, grande parte deles não foi de fato testada.

      Beijos!