Arquivo: novembro 2013

bareMinerals | Kit Guide to Color Warm

bareMinerals | Kit Color to Guide Warm

Há algum tempo eu venho “namorando” os kits da bareMinerals, mas não conseguia me decidir qual comprar. Desde que conheci a marca, no lançamento, fiquei apaixonada pelos produtos e pela filosofia da bareMinerals. Já falei algumas vezes, mas repito: a base Original é uma das minhas favoritas – usei a cor Fairily Medium por algum tempo mas agora ela está um pouco clara pra mim. Até pensei em comprar um Get Started Kit para testar as cores, já que a outra base que tenho, na cor Medium Beige é um pouco rosada pra mim. No fim, acabei desistindo e investi no Guide to Color Warm.

O Guide to Color Warm é um kit com seis itens: uma sombra full-size, um lápis para olhos full-size, um primer para olhos full-size, um mini gloss, um mini All Over Face Color e um pincel duplo para sombra e blush. Achei um ótimo investimento , porque há três produtos full-size pelo preço de um item da marca. Aliás, estes kits são uma ótima dica para quem está querendo conhecer a bareMinerals e não sabe muito bem por onde começar.

  • Eyecolor [sombra] – Cor Zany
  • Round the Clock Waterproof Eyeliner [lápis à prova d’água] – Cor 10PM
  • Prime Time Eyelid Primer [primer para olhos] – Cor Brightening
  • Natural Lipgloss [gloss] – Cor Apricot
  • All Over Face Color [pó tonalizante] – Exquisite Radiance
  • Double Ended Precision Eye & Cheek Brush [pincel] – Pincel duplo para sombra e blush

A ideia deste kit é que você consiga fazer três maquiagens diferentes apenas com estes produtos: uma para o trabalho, uma para o fim de semana e outra para festa. Como estou acostumada a usar pelo menos três cores de sombras diferentes no dia a dia, não achei que conseguiria criar esta variedade de looks com apenas uma sombra, mas eis que é possível sim! O kit vem com um panfleto explicativo que mostra como fazer estas três maquiagens. Basicamente, o look trabalho seria a aplicação do primer para olhos (que tem um tom levemente dourado) em toda a pálpebra, seguida do lápis para delinear rente aos cílios superiores. O que muda desta versão para o look fim de semana, é que a sombra entra contornando o côncavo. Já para o look festa, a sombra é aplicada na pálpebra móvel e côncavo, dando profundidade e destaque aos olhos.

bareMinerals | Guide to Color Warm

Preciso dizer que tenho usado este kit todos os dias para trabalhar. Aplico o primer e depois a sombra no côncavo e no canto externo dos olhos. Em seguida, faço o contorno com o lápis e termino com boas camadas da máscara Curl & Lentgthen também da bareMinerals. Não achei que conseguiria sair do vício da NAKED Basics com tanta facilidade, mas cá estou: apaixonada pelo Guide to Color Warm.

Além da versão em tons quentes, este kit também é comercializado na versão Cool com tons frios e a mesma proposta de três looks com seis itens de maquiagem. O meu eu comprei na Beleza na Web por R$165, mas ele também pode ser encontrado pelo mesmo preço nas lojas da bareMinerals. Honestamente? Por seis produtos, achei o preço muito bom! Tanto que até comprei outro kit, o Main Attraction, uma edição de Natal.

Vocês gostam das maquiagens da bareMinerals?
Algum queridinho em especial?


Onde?
Beleza na Web
www.belezanaweb.com.br
(11) 3716 1662

 

Disclaimer | O produto mostrado nesta postagem foi adquirido pela autora.

Divulgando

SORTEIOS:
• Vale compras da ROMWE até o dia 26/11 no Fadas Maquiadas
• Kit Vichy + Innéov até o dia 28/11 no Gaveta de Cima
• Kit de produtos para os cabelos (Avon, TRESemmé) até o dia 30/11 no Em Prol da Beleza
• Livro “Easy” até o dia 30/11 no Saleta de Leitura
• Kit de produtos Depil Bella até o dia 03/12 no Siga sua Moda
• Detox Shot até o dia 03/12 no Doce Feito Pimenta
• Kit Encanto Alto Astral da Avon até o dia 03/12 no Desejo do Dia
• Biquíni da Aquanativa até o dia 10/12 no Luxo Básico
• Lumix Matizador de Loiros até o dia 10/12 no Eu Vou de Rosa

 

Quer ter sua promoção/concurso/sorteio/blog divulgado aqui no lipstick corner? Envie um email para divulgacao[arroba]lipstickcorner.com até o dia 02/12 com o assunto Divulgação e as seguintes informações:

• Nome do blog;
• Link para o sorteio/promoção/concurso;
• Data do sorteio;
• O que será sorteado (ou o prêmio do concurso/promoção).

Todas às terças-feiras vai ao ar uma listinha com o que rola por aí em sites e blogs.

Aleatoriedades de Segunda #1

Fazia algum tempo que eu estava querendo escrever um post assim por aqui. Não exatamente sobre como foi o meu fim de semana, os cupcakes que comi, os eventos que não participei, a academia que nunca me inscrevi ou os “jabás” que recebi, mas uma “seção diário” para falar de coisas que andam na minha mente durante a semana. Na grande maioria das vezes o assunto (ou assuntos) não serão relacionados com beleza, mas me dei esta licença e este espaço, já que estou respirando e vivendo beleza quase 24h por dia, ao menos 5 dias por semana.

Espero que gostem desta “nova seção” do blog!

The Great Gatsby

Já havia lido o livro há algum tempo atrás e devo dizer que o ritmo por horas frenético e desconexo, horas devagar e pontuado, não foi daqueles que mais me agradou. Cheguei ao final do livro e precisei voltar algumas páginas para entender o que havia acontecido. Por estas e outras, criei uma certa dificuldade para assistir o filme. Até gostaria de ter visto nos cinemas, mas a leitura foi tão exaustiva (e o cinema anda tão, mas TÃO CARO) que acabei deixando de lado. Este fim de semana resolvi assistir com o namorado e qual não foi a minha surpresa ao descobrir que Baz Luhrmann capturou a essência ludibriante do livro em cenas frenéticas e quase desconexas, porém, de alguma forma, ele conseguiu manter a história que estava solta na minha cabeça, coesa o suficiente para que eu conseguisse assistir o filme até o fim e chegar a conclusão espantosa de que: o filme é melhor do que o livro.

Isso nunca, nunca até hoje havia acontecido comigo. Não saio por aí recomendando a leitura de “The Great Gatsby” para quem gosta de Marian Keyes, J.K Roling e histórias lineares, com fatos pontuados e personagens com cabeça e pé, porque esta, definitivamente não é uma leitura do gênero. No entanto, como este é um clássico da literatura norte-americana, vale conhecer. Para quem não tem paciência, abrace o filme, porque é um resumo lindo da obra (com direito a Lana Del Ray em uma das minhas canções favoritas dela).

A Exaustão das Dietas
A Exaustão das Dietas

Estou muito cansada de fotos de academia no Instagram, viver de salada, ar e água, tudo para conquistar o tão sonhado corpo perfeito, se privar de viver sem se preocupar se um grama de gordura irá se instalar no seu muffin top, para que você possa desfilar por aí num manequim 30, magra, pele e osso como toda mulher deveria ser. Sim, cansei da indústria da magreza e estou ciente de que uma só andorinha não faz verão, por isso fiquei feliz quando encontrei duas revistas que não tem quase nada a ver com o assunto abordarem o problema de uma forma tão… diferente.

A TPM de setembro falava sobre a relação eterna e mais duradoura do que o casamento do seus bisavós, sobre comida e culpa. Nós mulheres funcionamos assim: comemos um brigadeiro = 3h de academia como punição. OI! Um brigadeiro! Cheguei a exaustão deste tipo de coisa. Ser gordo é saudável? A Vida Simples de dezembro diz que sim! E sabe por que? O peso diz pouco sobre a sua saúde. O que importa de verdade são os seus hábitos. De nada adianta você ser magérrima e acreditar que faz fotossíntese como as plantas e começar a viver de luz. Estou cansada de dietas e POR AQUI de tentarem me enfiar goela abaixo que o manequin 42 é plus size. Que mulheres normais são GORDAS! O pior é que nós acreditamos. E fazemos dieta. Compramos alimentos caros. Livros, revistas, dietas milagrosas. Emagrecemos. Cinco anos depois lá está você procurando a nova dieta da moda.

Acho que o grande “x” da questão é a mulher principalmente, aceitar seu corpo, suas curvas. Um dos maiores sex simbols do século XX tinha curvas que deixavam as mulheres com inveja e os homens aos seus pés: Marilyn Monroe não ficou famosa por exibir suas costelas e seu pescoço tão magro que era possível ver veias e ossos. Seu legado era seu corpo feminino, cheio de curvas e com… CARNE! Somos feitos de ossos, carne e gordura e precisamos de uma vez por todas aceitar isso.

Mudança de Hábito
Mudança de Hábito

Já que o assunto é esse, aqui vai: virei vegetariana. Porque quero ser magra? Meu chocolate continua me acompanhando, obrigada. Por mil e uma razões dentre as quais, eu, Gabi, apenas não me sentia bem comendo carne mais. E vou dizer: nunca comi tão bem em toda a minha vida. Sempre fui muito fresca com comida. Dispensava qualquer prato que tivesse algum ingrediente alienígena, suspeito de “ah, não gosto”. Isso incluia, em grande parte, todo e qualquer tipo de fruta, além de legumes e verduras que não fizessem parte da zona de conforto: batata, alface, cenoura, milho, ervilha, agrião e vagem. Consegui listar em menos de uma linha tudo o que eu comia. Então vocês devem imaginar como eu tinha uma alimentação pobre.

Nunca comi tão bem e nunca comi uma variedade tão grande de alimentos. Estou descobrindo que a vida é bem mais divertida do que eu imaginava! E não, não quero converter ninguém aqui, mas olhar o que você está comendo, pode te responder porque você fica doente com facilidade, porque está sempre cansada, porque sua unha anda tão fraca e sua pele toda detonada. Não faz muito tempo que estou mudando meus hábitos, mas já percebi muita diferença!

 

Escrevi demais e me empolguei um pouco, mas digam se vocês gostam de postagens assim, porque devo confessar que eu gostei muito e estou querendo repetir a dose já na semana que vem!

Testei: Benefit Corretivo Boi-ing

Benefit Boi-ingIsto aconteceu poucas vezes comigo, mas usei até o fim o corretivo Multi-Definition da Contém 1g e devo dizer que só não comprei outro, porque até hoje, nunca fui bem atendida em nenhuma loja da marca, o que acaba coibindo a compra, já que a loja online não parece estar funcionando mais – e sou uma pessoa que funciona melhor no auto-atendimento do que com uma vendedora me perseguindo por onde quer que eu vá e tentando me empurrar todos os produtos possíveis e impossíveis. Foi então que comecei a procurar uma alternativa para ele, pois eu uso dois corretivos: um líquido para a área dos olhos e um cremoso para o rosto.

Em uma visita à Sephora, entre as diversas possibilidades que eu tinha, acabei parando na Benefit, uma marca que estou conhecendo aos poucos e que até agora, tem me conquistado. Por estas e outras, achei que seria uma boa ideia investir no Boi-ing.

Benefit Boi-ing

Você diz o quê, o Boi-ing esconde! Este corretivo de ultra-resistente camufla olheiras, manchas e sombras para um acabamento com aspecto natural, sem acumular ou desaparecer. É o corretivo que vai longe!

Devo dizer que não foi lá muito fácil escolher uma cor. Nunca me imaginei dizendo isso, mas o Boi-ing tem apenas cinco cores e eu testei três delas: a 01 era ridiculamente clara, a 02 era mais clara do que média e com fundo rosado e a 3, que tem o fundo amarelado, escura demais. O corretivo da Contém 1g tem apenas o dobro de opções de cores, o que torna a escolha mais precisa. De qualquer forma, dei muita, mas muita sorte porque a cor 02 light/medium conseguiu se adaptar bem ao meu tom de pele – aliás, no site da Sephora está escrito que na dúvida, as pessoas deveriam optar por esta cor, mas não acredito que seja tão simples assim.

Bem, a Benefit alega que este é um corretivo super resistente e que, na teoria, não sumiria no decorrer do dia, não iria escorrer nem formar vincos. Obviamente este produto não foi testado nem desenvolvido para o clima tropical do Brasil. Nos dias de calor, ele simplesmente não está mais lá no final do dia e isto porque eu uso mais para correrções faciais do que nos olhos. E quando usei para olheiras ele marcou sim, mas não achei o fim do mundo, porque todos os corretivos cremosos que usei até hoje (incluindo o Studio Finish da M·A·C) acumulam e é justamente por isso que prefiro os líquidos para esta região.

Benefit Boi-ing

Apesar de não durar o dia inteiro como o prometido, ele tem ótima pigmentação! Achei que disfarçou perfeitamente as manchas de acne, espinhas, sem ficar com um acabamento grosseiro, parecendo massa corrida. A textura, como vocês podem ver pela foto acima, é bem cremosa e desliza com facilidade pela pele: não é duro como o corretivo facial Duda Molinos, por exemplo. Isto facilita na hora de dosar a quantidade e você usa menos produto para cobrir as imperfeições.

Sobre a quantidade de produto… Ele engana! O potinho do corretivo Multi-Definition parece pequeno, especialmente por dar a ilusão de ser fundo, mas na verdade, o produto vai até a metade. Este da Benefit é mais largo, no entanto tem 3,0g de corretivo contra 3,5g da Contém 1g. Por isso que é sempre bom pesquisar bem e ter em mente que produto importado nem sempre é melhor do que o nacional, só porque é mais caro.

Benefit Boi-ing

Enfim… Paguei a “bagatela” de R$99 neste potinho para achar o corretivo “ok”. Não compraria de novo, porque acreditem: prefiro o da Contém 1g, que mesmo sendo caro – R$63 é um tanto quanto salgado – tem maior opções de cores, a mesma textura e durabilidade do Boi-ing e ainda vem mais produto. Só me falta mesmo a coragem de encarar uma loja da marca.

 

Detalhes da nota:

Embalagem

5/5

Textura

4/5

Pigmentação

5/5

Durabilidade

2/5

Preço

2/5

Avaliação Final: 3,6 estrelinhas.

INGREDIENTES BENEFIT BOI-ING
CAPRYLIC/CAPRIC TRIGLYCERIDE, PHENYL TRIMETHICONE, ISOPROPYL, PALMITATE, EUPHORBIA CERIFERA (CANDELILLA) WAX, TALC, MINERAL OIL (PARAFFINUM LIQUIDIUM), KAOLIN, SILICA, MICROCRYSTALLINE WAX (CERA MICROCRISTALLINA), NYLON-12, TOCOPHERYL ACETATE, PHENOXYETHANOL, [+/-: TITANIUM DIOXIDE (Cl 77891), IRON OXIDES (Cl 77491, Cl77492, Cl 44499)]


Onde?
Sephora
www.sephora.com.br
SAC Benefit: 0800 17 0506

 

Disclaimer | O produto mostrado nesta postagem foi adquirido pela autora.